domingo, 13 de fevereiro de 2011

Reunião de Pais, Mães ou Responsáveis

“Em nossa sociedade hoje, como temos cuidado de nossos(as) filhos(as)?”
reunião de pais é um momento oportuno para nossa formação cristã

1.      19h30’’ – Acolhida  (providenciar bolo, suco, copos descartáveis, guardanapos, papel e caneta para anotações dos grupos.
2.       19h40’’ – VER - 10 minutos para expor o tema abaixo
3.       19h50’’ – Iniciar debate em grupo  (grupo de 3 a 4 pais) com as perguntas: O que estamos conseguindo? O que não? Anotar em papel por grupo.
4.       20h10’’ – ILUMINAR - Leitura Bíblica  e pontuação das respostas dos grupos de pais (providenciar bíblia, flores e vela);
Ø  A vida de Cristo em nós deve alcançar as pessoas. Acender a vela e ler Mt 5, 13-16;
Ø  Precisamos de experiências com o Senhor – Espiritualidade;
Ø  Somos chamados a conhecê-lo e também trazer outros a ter semelhante conhecimento;
Ø  Devemos começar com os que estão mais próximos: cônjuge, filhos, amigos, vizinhos.
5.       20h30’’ – CELEBRAR - Oração espontânea – após cada pedido cantar: Vem Espírito Santo vem, vem iluminar.
6.       20h40’’ – AGIR - esclarecimento de dúvidas sobre catequese (DNC cap 2)
Ø  bíblia, portifólio (pasta/caderno), material, catequistas/catequizandos;
Ø  Catequese permanente - sacramento é conquista, caminhada, não é prêmio nem castigo;
Ø  Lugares da catequese - idade, grupos, horário, tempo de catequese, avaliação;
Ø  Outros que julgar necessários;
Ø  Ouvir os pais – anotar tudo - atendimento individual e específico se necessário.
7.       21h – Fim da reunião.

Tema a ser exposto: “Em nossa sociedade hoje, como temos cuidado de nossos(as) filhos(as).”
ü Como resguardamos nossos pequenos da fascinação perigosa das drogas, do sexo, do ocultismo, do cristianismo liberal?
ü Nossa sociedade tem sido bombardeada com novidades que visam antes de tudo a mente das crianças;
ü Livros e música sempre precederam e até determinaram grandes mudanças para o bem ou o mal;
ü Nunca se viu tanta ênfase ao oculto, à libertinagem, nos livros, revistas, músicas (festas e TV);
ü Como pais e educadores, temos a responsabilidade de guardar as crianças e adolescentes de influências destrutivas, mesmo das que apresentam sob o inocente disfarce de “são apenas brincadeirinhas da idade”;
ü Educar vem do latim educare, que significa conduzir, guiar; Devemos conduzir nossas crianças a valores e princípios sólidos benéficos e imutáveis que só encontramos na Palavra de Deus e poupá-los das mentiras do diabo (aquele que divide, engana) e conduzi-las no caminho da verdade.
Obs:
a)     Não se faz reunião com os pais para apontar falhas dos filhos/as, cobrar falta de participação na catequese e comunidade, reclamar da indisciplina dos filhos/as, etc, mas para unir forças e partilhar responsabilidades de educar os catequizandos e planejar as ações para alcançar os objetivos da catequese na família e na comunidade. 
b)     Esta reunião não tem oração inicial nem final, o encontro todo é momento de oração e o clímax se dá no item 5.
c)     Outro detalhe: fazer a reunião participando os pais/mães/responsáveis e cada catequista por grupo/etapa, que recebe o roteiro e faz a sua reunião. Nada de 1 reunião com todos os pais e catequistas juntos.