sábado, 19 de setembro de 2020

BOM DIA 20/09 🇧🇷Liturgia Diária 🇺🇸Daily Liturgy

Parábola do semeador.
Parable of the sower.

1a.Leitura
Leitura do livro do profeta Isaías 55,6-9 – 6Buscai o Senhor, enquanto pode ser achado; invocai-o, enquanto ele está perto. 7Abandone o ímpio seu caminho, e o homem injusto, suas maquinações; volte para o Senhor, que terá piedade dele, volte para nosso Deus, que é generoso no perdão. 8Meus pensamentos não são como os vossos pensamentos, e vossos caminhos não são como os meus caminhos, diz o Senhor. 9Estão meus caminhos tão acima dos vossos caminhos e meus pensamentos acima dos vossos pensamentos quanto está o céu acima da terra. – Palavra do Senhor.

1st. Reading
Reading the book of the prophet Isaiah 55,6-9 - 6 Seek the Lord, while he may be found; call on him while he is near. 7 Let the wicked depart his way, and the unjust man, his machinations; return to the Lord, who will have mercy on him, return to our God, who is generous in forgiveness. 8My thoughts are not like your thoughts, and your ways are not like my ways, says the Lord. 9 My ways are above your ways and my thoughts are above your thoughts as is heaven above the earth. - Word of the Lord.

Salmo 144/145
O Senhor está perto da pessoa que o invoca!
1. Todos os dias haverei de bendizer-vos, / hei de louvar o vosso nome para sempre. / Grande é o Senhor e muito digno de louvores, / e ninguém pode medir sua grandeza.
2. Misericórdia e piedade é o Senhor, / ele é amor, é paciência, é compaixão. / O Senhor é muito bom para com todos, / sua ternura abraça toda criatura.
3. É justo o Senhor em seus caminhos, / é santo em toda obra que ele faz. / Ele está perto da pessoa que o invoca, / de todo aquele que o invoca lealmente.

Psalm 144/145
The Lord is close to the person who calls on him!
1. Every day I will bless you, / I will praise your name forever. / The Lord is great and praiseworthy, / and no one can measure his greatness.
2. Mercy and piety is the Lord, / he is love, he is patience, he is compassion. / The Lord is very good to everyone, / His tenderness embraces every creature.
3. The Lord is just in his ways, / is holy in every work he does. / He is close to the person who invokes him, / to everyone who loyally invokes him.

Evangelho
Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo Mateus 20,1-16 – Naquele tempo, Jesus contou esta parábola a seus discípulos: 1“O Reino dos céus é como a história do patrão que saiu de madrugada para contratar trabalhadores para a sua vinha. 2Combinou com os trabalhadores uma moeda de prata por dia e os mandou para a vinha. 3Às nove horas da manhã, o patrão saiu de novo, viu outros que estavam na praça desocupados 4e lhes disse: ‘Ide também vós para a minha vinha! E eu vos pagarei o que for justo’. 5E eles foram. O patrão saiu de novo ao meio-dia e às três horas da tarde e fez a mesma coisa. 6Saindo outra vez pelas cinco horas da tarde, encontrou outros que estavam na praça e lhes disse: ‘Por que estais aí o dia inteiro desocupados?’ 7Eles responderam: ‘Porque ninguém nos contratou’. O patrão lhes disse: ‘Ide vós também para a minha vinha’. 8Quando chegou a tarde, o patrão disse ao administrador: ‘Chama os trabalhadores e paga-lhes uma diária a todos, começando pelos últimos até os primeiros!’ 9Vieram os que tinham sido contratados às cinco da tarde e cada um recebeu uma moeda de prata. 10Em seguida vieram os que foram contratados primeiro e pensavam que iam receber mais. Porém cada um deles também recebeu uma moeda de prata. 11Ao receberem o pagamento, começaram a resmungar contra o patrão: 12‘Estes últimos trabalharam uma hora só, e tu os igualaste a nós, que suportamos o cansaço e o calor o dia inteiro’. 13Então o patrão disse a um deles: ‘Amigo, eu não fui injusto contigo. Não combinamos uma moeda de prata? 14Toma o que é teu e volta para casa! Eu quero dar a este que foi contratado por último o mesmo que dei a ti. 15Por acaso não tenho o direito de fazer o que quero com aquilo que me pertence? Ou estás com inveja, porque estou sendo bom?’ 16Assim, os últimos serão os primeiros, e os primeiros serão os últimos”.- Palavra da salvação.

Gospel 
Proclamation of the Gospel of Jesus Christ according to Matthew 20: 1-16 - At that time, Jesus told this parable to his disciples: 1 “The Kingdom of Heaven is like the story of the boss who left at dawn to hire workers for his vineyard. 2 He combined with the workers a silver coin a day and sent them to the vineyard. 3At nine o'clock in the morning, the boss went out again, saw others who were in the square unoccupied 4and said to them: ‘Go also to my vineyard! And I will pay you what is fair '. 5And they went. The boss left again at noon and three in the afternoon and did the same thing. 6 Leaving again at five o'clock in the afternoon, he met others who were in the square and said to them: ‘Why are you there all day unoccupied?’ 7They replied, ‘Because nobody hired us’. The boss said to them: 'You also go to my vineyard'. 8When the afternoon came, the boss said to the administrator: 'Call the workers and pay everyone a daily allowance, starting with the last to the first!' . 10 Next came those who were hired first and thought they were going to get more. However, each of them also received a silver coin. 11When they received the payment, they began to mumble against the boss: 12 'The last ones worked for only one hour, and you equaled them with us, who endured fatigue and heat all day'. 13Then the boss said to one of them: 'Friend, I was not unfair to you. Do we combine a silver coin? 14Take what is yours and go home! I want to give this one who was last hired the same one I gave you. 15 Do I not have the right to do what I want with what belongs to me? Or are you jealous, why am I being good? ’16Thus, the last will be the first, and the first will be the last” .- Word of salvation.

Para refletir
A parábola compara o Reino dos Céus a um proprietário que vai em busca de trabalhadores para sua vinha. Revela triste realidade do tempo em que o evangelho foi redigido: o desemprego. O patrão, porque é bom, vê a necessidade do outro. E se no Reino dos Céus existirem “primeiros e últimos”, os primeiros serão aqueles que a sociedade considera como últimos (“os últimos serão os primeiros, e os primeiros serão os últimos”). As comunidades precisam começar sempre pelos últimos, assim como fez o capataz na hora do pagamento.

To think about 
The parable compares the Kingdom of Heaven to an owner who goes in search of workers for his vineyard. It reveals the sad reality of the time when the gospel was written: unemployment. The boss, because he is good, sees the need for the other. And if in the Kingdom of Heaven there are "first and last", the first will be those that society considers as the last ("the last will be the first, and the first will be the last"). Communities must always start with the latter, just as the foreman did at the time of payment.

Para assistir - To watch
Para rezar
Ó Jesus, a salvação que nos ofereces não depende dos nossos méritos, nem do tempo que dedicamos ao teu serviço. Não é reservada a poucos privilegiados, mas está aberta a todos os que, a qualquer hora, te buscam de coração sincero. Amém.

To Pray
O Jesus, the salvation you offer us does not depend on our merits, nor on the time we dedicate to your service. It is not reserved for the privileged few, but it is open to all who, at any time, seek you with a sincere heart. Amen.

Para os catequistas - Diretório para a Catequese

247.  A  pré adolescência  é  também  o  tempo  em  que  se  reelabora  a  imagem  de  Deus  recebida  na  infância:  para  isso,  é  importante  que  a  catequese  acompanhe  com  cuidado  esta  passagem  delicada  devido  aos  seus  possíveis  desenvolvimentos  futuros,  mesmo  recorrendo  a  investigações  e  a  instrumentos  das  ciências  humanas.  Sem  medo  de  apontar  para  a  essencial,  a  proposta  de  fé  aos  pré adolescentes  há  de  preocupar-se  por  semear  nos  seus  corações  os  germes  de  uma  visão  de  Deus  que,  em  seguida,  poderá  amadurecer:  o  querigma  falará  especialmente  do  Senhor  Jesus  como  irmão  que  ama,  como  amigo  que  ajuda  a  viver  as  relações  da  melhor  maneira,  não  julga,  é  fiel,  valoriza  os  recursos e os sonhos, realizando os desejos de beleza e de bem. Além disso, a catequese é convidada a reconhecer  o  protagonismo  dos  pré adolescentes,  a  criar  um  contexto  de  relações  significativas  de  grupo, a dar espaço à experiência, a criar um clima em que se acolhem as questões fazendo as interagir  com  a  proposta  do  Evangelho.  O  pré adolescente  pode  entrar  mais  facilmente  no  mundo  da  experiência cristã, descobrindo que o Evangelho toca precisamente as dinâmicas relacionais e afetivas  às  quais  ele  é  particularmente  sensível.  O  catequista,  capaz  de  confiar  e  esperar,  levará  a  sério  as  dúvidas e as inquietudes do pré adolescente, fazendo-se seu companheiro discreto, mas presente.   


For catechists - Directory for Catechesis
247. Pre-adolescence is also the time when the image of God received in childhood is reworked: for this, it is important that catechesis carefully accompanies this delicate passage due to its possible future developments, even using investigations and instruments from human sciences. Without fear of pointing to the essential, the proposal of faith for pre-adolescents must be concerned with sowing the germs of a vision of God in their hearts, which then can mature: the kerygma will speak especially of the Lord Jesus as a brother loves, as a friend who helps to live relationships in the best way, does not judge, is faithful, values ​​resources and dreams, fulfilling the wishes of beauty and good. In addition, catechesis is invited to recognize the role of pre-adolescents, to create a context of meaningful group relationships, to give space to experience, to create a climate in which questions are welcomed, making them interact with the Gospel proposal. The pre-adolescent can more easily enter the world of Christian experience, discovering that the Gospel touches precisely the relational and affective dynamics to which he is particularly sensitive. The catechist, able to trust and wait, will take the pre-adolescent's doubts and concerns seriously, becoming his discreet but present companion.

Abençoando
Traçando o sinal da cruz em você, diga: Abençoai-me Senhor Deus que é † Pai, Filho e Espírito Santo, para que eu viva sempre no Teu amor e fazendo só o bem a todos. Amém!

Traçando o sinal da cruz em seu/ua filho/a diga: Abençoe a você (nome do filho/a), nosso Deus que é † Pai, Filho e Espírito Santo, para que você filho/a viva sempre no amor de Deus e fazendo só o bem a todos. Amém!

Blessing
By tracing the sign of the cross in you, say: Bless me Lord God that is † father, son, and holy spirit, to live always in your love and doing good to all. Amen!


By tracing the sign of the cross on your son/daughter say: Bless you (name of child), our God who is † father, son, and holy spirit, for you child alive always in love of God and doing good to all. Amen!

sexta-feira, 18 de setembro de 2020

BOM DIA 19/09 🇧🇷Liturgia Diária 🇺🇸Daily Liturgy

Parábola do semeador.
Parable of the sower.

1a.Leitura
Leitura da primeira carta de São Paulo aos Coríntios 15,35-37.42-49 – Irmãos, 35alguém perguntará: Como ressuscitam os mortos? 36Insensato! O que semeias não nasce sem antes morrer. 37E, quando semeias, não semeias o corpo da planta, que há de nascer, mas o simples grão, como o de trigo ou de alguma outra planta. 42Pois assim será também a ressurreição dos mortos. Semeia-se em corrupção e ressuscita-se em incorrupção. 43Semeia-se em ignomínia e ressuscita-se em glória. Semeia-se em fraqueza e ressuscita-se em vigor. 44Semeia-se um corpo animal e ressuscita-se um corpo espiritual. Se há um corpo animal, há também um espiritual. 45Por isso está escrito: o primeiro homem, Adão, “foi um ser vivo”. O segundo Adão é um espírito vivificante. 46Veio primeiro não o homem espiritual, mas o homem natural; depois é que veio o homem espiritual. 47O primeiro homem, tirado da terra, é terrestre; o segundo homem vem do céu. 48Como foi o homem terrestre, assim também são as pessoas terrestres; e como é o homem celeste, assim também vão ser as pessoas celestes. 49E como já refletimos a imagem do homem terrestre, assim também refletiremos a imagem do homem celeste. – Palavra do Senhor.

1st. Reading
Reading of the first letter of St. Paul to the Corinthians 15,35-37.42-49 - Brothers, 35 someone will ask: How do the dead rise? 36 Nonsense! What you sow is not born without first dying. 37And when you sow, you do not sow the body of the plant, which is to be born, but the simple grain, like that of wheat or some other plant. 42 For this will also be the resurrection of the dead. It is sown in corruption and it is raised in incorruption. 43 It is sown in ignominy and raised in glory. It is sown in weakness and raised in vigor. 44 An animal body is sifted and a spiritual body is resurrected. If there is an animal body, there is also a spiritual one. 45That is why it is written: the first man, Adam, "was a living being." The second Adam is a life-giving spirit. 46The spiritual man came first, but the natural man; then the spiritual man came. 47The first man, taken from the earth, is terrestrial; the second man comes from heaven. 48As terrestrial man was, so are terrestrial people; and as the heavenly man is, so are the heavenly people. 49And as we have already reflected the image of the earthly man, so we will also reflect the image of the heavenly man. - Word of the Lord.

Salmo 55/56
Na presença do Senhor, andarei na luz da vida.
1. Meus inimigos haverão de recuar † em qualquer dia em que eu vos invocar; / tenho certeza: o Senhor está comigo! 
2. Confio em Deus e louvarei sua promessa; † é no Senhor que eu confio e nada temo: / que poderia contra mim um ser mortal?
3. Devo cumprir, ó Deus, os votos que vos fiz / e vos oferto um sacrifício de louvor, / porque da morte arrancastes minha vida / e não deixastes os meus pés escorregarem, / para que eu ande na presença do Senhor, / na presença do Senhor na luz da vida.

Psalm 55/56
In the presence of the Lord, I will walk in the light of life.
1. My enemies will retreat † on any day when I call upon you; / I'm sure: the Lord is with me!
2. I trust in God and I will praise his promise; † It is in the Lord that I trust and fear nothing: / what could a mortal being be against me?
3. I must fulfill, O God, the vows I made to you / and I offer you a sacrifice of praise, / because you have torn my life out of death / and have not let my feet slip, / so that I may walk in the presence of the Lord, / in presence of the Lord in the light of life.

Evangelho
Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo Lucas 8,4-15 – Naquele tempo, 4reuniu-se uma grande multidão, e de todas as cidades iam ter com Jesus. Então ele contou esta parábola: 5“O semeador saiu para semear a sua semente. Enquanto semeava, uma parte caiu à beira do caminho; foi pisada e os pássaros do céu a comeram. 6Outra parte caiu sobre pedras; brotou e secou, porque não havia umidade. 7Outra parte caiu no meio de espinhos; os espinhos cresceram junto e a sufocaram. 8Outra parte caiu em terra boa; brotou e deu fruto, cem por um”. Dizendo isso, Jesus exclamou: “Quem tem ouvidos para ouvir, ouça”. 9Os discípulos lhe perguntaram o significado dessa parábola. 10Jesus respondeu: “A vós foi dado conhecer os mistérios do Reino de Deus. Mas, aos outros, só por meio de parábolas, para que, olhando, não vejam e, ouvindo, não compreendam. 11A parábola quer dizer o seguinte: a semente é a Palavra de Deus. 12Os que estão à beira do caminho são aqueles que ouviram, mas depois vem o diabo e tira a Palavra do coração deles, para que não acreditem e não se salvem. 13Os que estão sobre a pedra são aqueles que, ouvindo, acolhem a Palavra com alegria. Mas eles não têm raiz: por um momento acreditam, mas, na hora da tentação, voltam atrás. 14Aquilo que caiu entre os espinhos são os que ouvem, mas, com o passar do tempo, são sufocados pelas preocupações, pela riqueza e pelos prazeres da vida e não chegam a amadurecer. 15E o que caiu em terra boa são aqueles que, ouvindo com um coração bom e generoso, conservam a Palavra e dão fruto na perseverança”. – Palavra da salvação.

Gospel 
Proclamation of the Gospel of Jesus Christ according to Luke 8,4-15 - At that time, a large crowd gathered, and from all the cities they went to Jesus. Then he told this parable: 5 “The sower went out to sow his seed. While sowing, a part fell by the side of the path; it was stepped on and the birds of the sky ate it. 6 Another part fell on stones; sprouted and dried, because there was no moisture. 7 Another part fell among thorns; the thorns grew together and choked it. 8 Another part fell on good ground; it sprouted and bore fruit, a hundred to one ”. Saying this, Jesus exclaimed: "Whoever has ears to hear, let him hear." 9The disciples asked him what this parable meant. 10Jesus replied: “You have been given to know the mysteries of the Kingdom of God. But to others, only through parables, so that, looking, they do not see and, hearing, do not understand. 11The parable means the following: the seed is the Word of God. 12 Those on the side of the road are those who have heard, but then the devil comes and takes the Word from their hearts, so that they do not believe and are not saved. 13 Those on the rock are those who, hearing, welcome the Word with joy. But they have no root: for a moment they believe, but, in the hour of temptation, they go back. 14Those who fell among the thorns are those who hear, but, as time goes by, they are suffocated by the worries, the wealth and the pleasures of life and do not mature. 15And what fell on good ground are those who, listening with a good and generous heart, keep the Word and bear fruit in perseverance ”. - Word of salvation.

Para refletir
Jesus narra e explica a parábola do semeador. A semente é a mesma; os terrenos é que são diferentes; cada um dá fruto segundo suas condições. Terrenos defeituosos ou inférteis o resultado é minguado, insatisfatório. O terreno bom, sim, produz abundantes frutos. Cada um de nós verifique a qualidade do próprio terreno. Em outras palavras: como ouvimos a Palavra e o que fazemos para transformá-la em boas obras? Cabe-nos examinar a consciência e sinceramente descobrir os obstáculos por que a Palavra de Deus não dá fruto em nós. São as preocupações com os bens materiais? Ou, talvez, a indolência e a falta de interesse pelas coisas de Deus e a vida da Igreja? Deus continua a semear generosamente sua Palavra no terreno do mundo e no interior do nosso coração.

To think about 
Jesus narrates and explains the parable of the sower. The seed is the same; the terrains are different; each bears fruit according to its conditions. Defective or infertile land the result is meager, unsatisfactory. The good ground, yes, produces abundant fruits. Each of us check the quality of the land itself. In other words: how do we hear the Word and what do we do to turn it into good works? It is up to us to examine conscience and sincerely discover the obstacles why the Word of God does not bear fruit in us. Are concerns about material goods? Or, perhaps, indolence and a lack of interest in the things of God and the life of the Church? God continues to sow His Word generously on the ground of the world and within our hearts.

Para assistir - To watch
Para rezar
Senhor Jesus, desperta-me para o grande valor dos Teus ensinamentos. Amém.

To Pray
Lord Jesus, wake me up to the great value of Your teachings. Amen.

Para os catequistas - Diretório para a Catequese

246.  São  muitos  os  sinais  que  levam  a  olhar  para  a  pré adolescência como  uma  etapa  da  vida  caraterizada  pela  dinâmica  da  passagem de  uma  situação  conhecida  e  segura  para  algo  de  novo  e  inexplorado.  Por  um  lado,  isto  pode  suscitar  impulso  e  entusiasmo,  mas  por  outro  lado  provoca  um sentimento de confusão e de perda. A pré adolescência carateriza-se precisamente por esta mistura de  emoções  contraditórias  e  oscilantes  que,  na  verdade,  nascem  da  necessidade  de  rivalizar,  experimentar, pôr-se à prova, para redefinir – como protagonistas e autonomamente – uma identidade  que quer renascer. De fato, neste período, acompanhado por um forte desenvolvimento da dimensão  física e emocional, começa a tomar forma o processo lento e laborioso de personalização do indivíduo.  


For catechists - Directory for Catechesis
246. There are many signs that lead to looking at pre-adolescence as a stage of life characterized by the dynamics of moving from a known and safe situation to something new and unexplored. On the one hand, this can give rise to impulse and enthusiasm, but on the other hand it causes a feeling of confusion and loss. Pre-adolescence is characterized precisely by this mixture of contradictory and oscillating emotions that, in fact, are born from the need to rival, experiment, put themselves to the test, to redefine - as protagonists and autonomously - an identity that wants to be reborn. In fact, in this period, accompanied by a strong development of the physical and emotional dimension, the slow and laborious process of personalization of the individual begins to take shape.

Abençoando
Traçando o sinal da cruz em você, diga: Abençoai-me Senhor Deus que é † Pai, Filho e Espírito Santo, para que eu viva sempre no Teu amor e fazendo só o bem a todos. Amém!

Traçando o sinal da cruz em seu/ua filho/a diga: Abençoe a você (nome do filho/a), nosso Deus que é † Pai, Filho e Espírito Santo, para que você filho/a viva sempre no amor de Deus e fazendo só o bem a todos. Amém!

Blessing
By tracing the sign of the cross in you, say: Bless me Lord God that is † father, son, and holy spirit, to live always in your love and doing good to all. Amen!


By tracing the sign of the cross on your son/daughter say: Bless you (name of child), our God who is † father, son, and holy spirit, for you child alive always in love of God and doing good to all. Amen!

BOM DIA 18/09 🇧🇷Liturgia Diária 🇺🇸Daily Liturgy


Várias outras mulheres ajudavam a Jesus e aos discípulos.
Several other women helped Jesus and the disciples.

1a.Leitura
Leitura da primeira carta de São Paulo aos Coríntios 15,12-20 – Irmãos, 12se se prega que Cristo ressuscitou dos mortos, como podem alguns dizer entre vós que não há ressurreição dos mortos? 13Se não há ressurreição dos mortos, então Cristo não ressuscitou. 14E se Cristo não ressuscitou, a nossa pregação é vã e a vossa fé é vã também. 15Nesse caso, nós seríamos testemunhas mentirosas de Deus, porque teríamos atestado, contra Deus, que ele ressuscitou Cristo quando, de fato, ele não o teria ressuscitado – se é verdade que os mortos não ressuscitam. 16Pois, se os mortos não ressuscitam, então Cristo também não ressuscitou. 17E se Cristo não ressuscitou, a vossa fé não tem nenhum valor e ainda estais nos vossos pecados. 18Então, também os que morreram em Cristo pereceram. 19Se é para esta vida que pusemos a nossa esperança em Cristo, nós somos – de todos os homens – os mais dignos de compaixão. 20Mas, na realidade, Cristo ressuscitou dos mortos como primícias dos que morreram. – Palavra do Senhor.

1st. Reading
Leitura da primeira carta de São Paulo aos Coríntios 15,12-20 – Irmãos, 12se se prega que Cristo ressuscitou dos mortos, como podem alguns dizer entre vós que não há ressurreição dos mortos? 13Se não há ressurreição dos mortos, então Cristo não ressuscitou. 14E se Cristo não ressuscitou, a nossa pregação é vã e a vossa fé é vã também. 15Nesse caso, nós seríamos testemunhas mentirosas de Deus, porque teríamos atestado, contra Deus, que ele ressuscitou Cristo quando, de fato, ele não o teria ressuscitado – se é verdade que os mortos não ressuscitam. 16Pois, se os mortos não ressuscitam, então Cristo também não ressuscitou. 17E se Cristo não ressuscitou, a vossa fé não tem nenhum valor e ainda estais nos vossos pecados. 18Então, também os que morreram em Cristo pereceram. 19Se é para esta vida que pusemos a nossa esperança em Cristo, nós somos – de todos os homens – os mais dignos de compaixão. 20Mas, na realidade, Cristo ressuscitou dos mortos como primícias dos que morreram. – Palavra do Senhor.

Salmo 1617
Ao despertar, me saciará vossa presença, ó Senhor.
1. Ó Senhor, ouvi a minha justa causa, / escutai-me e atendei o meu clamor! / Inclinai o vosso ouvido à minha prece, / pois não existe falsidade nos meus lábios!
2. Eu vos chamo, ó meu Deus, porque me ouvis, / inclinai o vosso ouvido e escutai-me! / Mostrai-me vosso amor maravilhoso, † vós que salvais e libertais do inimigo / quem procura a proteção junto de vós.
3. Protegei-me qual dos olhos a pupila / e guardai-me à proteção de vossas asas. / E verei, justificado, a vossa face, / e, ao despertar, me saciará vossa presença

Psalm 16/17
When I awake, your presence will satisfy me, O Lord.
1. O Lord, hear my just cause, / listen to me and answer my cry! / Incline your ear to my prayer, / for there is no falsehood on my lips!
2. I call you, O my God, because you hear me, / bow your ear and listen to me! / Show me your wonderful love, † you who save and deliver from the enemy / who seeks protection among you.
3. Protect me which of the eyes the pupil / and keep me to the protection of your wings. / And I will see your face, justified, / and, upon awakening, your presence will satisfy me.

Evangelho
Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo Lucas 8,1-3 – Naquele tempo, 1Jesus andava por cidades e povoados, pregando e anunciando a Boa-nova do Reino de Deus. Os doze iam com ele; 2e também algumas mulheres que haviam sido curadas de maus espíritos e doenças: Maria, chamada Madalena, da qual tinham saído sete demônios; 3Joana, mulher de Cuza, alto funcionário de Herodes; Susana e várias outras mulheres que ajudavam a Jesus e aos discípulos com os bens que possuíam. – Palavra da salvação.

Gospel 
Proclamation of the Gospel of Jesus Christ according to Luke 8,1-3 - At that time, 1Jesus walked through cities and towns, preaching and announcing the Good News of the Kingdom of God. The twelve went with him; 2and also some women who had been healed of evil spirits and diseases: Mary, called Magdalene, from whom seven demons had come out; 3Joanna, wife of Cuza, high official of Herod; Susana and several other women who helped Jesus and the disciples with the goods they owned. - Word of salvation.

Para refletir
Vida dinâmica a de Jesus e de seus doze apóstolos, concentrados num objetivo comum: anunciar a Boa Notícia do Reino de Deus. Método do trabalho missionário de Jesus: ensinamento e curas. Ao grupo de Jesus juntam-se algumas mulheres. Umas tinham sido curadas de suas enfermidades; outras, de poder aquisitivo mais elevado, punham seus bens materiais à disposição de Jesus e da missão. A comunidade de Jesus, desde o início, é composta de homens e mulheres. Todos empenhados no serviço do Reino.

To think about 
Dynamic life that of Jesus and his twelve apostles, focused on a common goal: to announce the Good News of the Kingdom of God. Method of Jesus' missionary work: teaching and healing. The group of Jesus is joined by some women. Some had been cured of their illnesses; others, of higher purchasing power, made their material goods available to Jesus and the mission. The community of Jesus, from the beginning, is made up of men and women. All engaged in Kingdom service.

Para assistir - To watch
Para rezar
Senhor Jesus, ao grupo dos Doze agregastes algumas mulheres que te serviam “com os bens que possuíam”. Que eu aprenda contigo a importância da mulher como valorosa colaboradora na evangelização. Amém.

To Pray
Lord Jesus, to the group of Twelve you added some women who served you "with the goods they had". May I learn from you the importance of women as valiant collaborators in evangelization. Amen.

Para os catequistas - Diretório para a Catequese

245.  A  catequese  no  mundo  juvenil  deve  ser  constantemente  renovada,  reforçada  e  realizada  no  contexto mais vasto da pastoral juvenil. Precisa de se caraterizar por dinâmicas pastorais e relacionais  de escuta, reciprocidade, corresponsabilidade e reconhecimento do protagonismo juvenil. Embora não  haja  fronteiras  definidas  e  sejam  as  abordagens  típicas  de  cada  cultura  que  são  determinantes,  é  útil  especificar  a  idade  juvenil  entre  préaadolescentes,  adolescentes,  jovens  e  jovensaadultos.  É  decisivo  que  se  aprofunde  o  estudo  do  mundo  juvenil,  valendoase  dos  contributos  da  investigação  científica  e  tendo  em  conta  a  situação  nos  diversos  países.  Uma  consideração  de  carácter  geral  diz  respeito  à  questão da linguagem dos jovens. Geralmente, as novas gerações estão bastante marcadas pelas redes+ sociais  e  pelo  chamado  mundo  virtual.  Isto  dá  oportunidades  que  as  gerações  anteriores  não  tinham,  mas  ao  mesmo  tempo  comporta  alguns  riscos.  É  muito  importante  considerar  de  que  forma  a  experiência  de  relações  tecnologicamente  mediadas  estrutura  a  conceção  do  mundo,  da  realidade  e  das relações interpessoais. Insistease, por isso, na necessidade que a pastoral tem de uma adaptação da  catequese com os jovens, sabendo traduzir na sua linguagem a mensagem de Jesus.


For catechists - Directory for Catechesis
245. Catechesis in the youth world must be constantly renewed, reinforced and carried out in the wider context of youth ministry. It needs to be characterized by pastoral and relational dynamics of listening, reciprocity, co-responsibility and recognition of youth protagonism. Although there are no defined boundaries and it is the typical approaches of each culture that are decisive, it is useful to specify the youthful age among preadolescents, adolescents, youth and young adults. It is decisive that the study of the youth world be deepened, drawing on the contributions of scientific research and taking into account the situation in different countries. A general consideration concerns the question of the language of young people. Generally, new generations are marked by social networks + and the so-called virtual world. This gives opportunities that previous generations did not have, but at the same time it carries some risks. It is very important to consider how the experience of technologically mediated relationships structures the conception of the world, reality and interpersonal relationships. Therefore, it insists on the pastoral need for an adaptation of catechesis with young people, knowing how to translate the message of Jesus into their language.

Abençoando
Traçando o sinal da cruz em você, diga: Abençoai-me Senhor Deus que é † Pai, Filho e Espírito Santo, para que eu viva sempre no Teu amor e fazendo só o bem a todos. Amém!

Traçando o sinal da cruz em seu/ua filho/a diga: Abençoe a você (nome do filho/a), nosso Deus que é † Pai, Filho e Espírito Santo, para que você filho/a viva sempre no amor de Deus e fazendo só o bem a todos. Amém!

Blessing
By tracing the sign of the cross in you, say: Bless me Lord God that is † father, son, and holy spirit, to live always in your love and doing good to all. Amen!


By tracing the sign of the cross on your son/daughter say: Bless you (name of child), our God who is † father, son, and holy spirit, for you child alive always in love of God and doing good to all. Amen!

quinta-feira, 17 de setembro de 2020

BOM DIA 17/09 🇧🇷Liturgia Diária 🇺🇸Daily Liturgy


Tua fé te salvou. Vai em paz!
Your faith has saved you. Go in peace!

1a.Leitura
Leitura da primeira carta de São Paulo aos Coríntios 15,1-11 – 1Irmãos, quero lembrar-vos o Evangelho que vos preguei e que recebestes, e no qual estais firmes. 2Por ele sois salvos, se o estais guardando tal qual ele vos foi pregado por mim. De outro modo, teríeis abraçado a fé em vão. 3Com efeito, transmiti-vos, em primeiro lugar, aquilo que eu mesmo tinha recebido, a saber: que Cristo morreu por nossos pecados, segundo as Escrituras; 4que foi sepultado; que, ao terceiro dia, ressuscitou, segundo as Escrituras; 5e que apareceu a Cefas e, depois, aos doze. 6Mais tarde, apareceu a mais de quinhentos irmãos de uma vez. Destes, a maioria ainda vive e alguns já morreram. 7Depois, apareceu a Tiago e, depois, apareceu aos apóstolos todos juntos. 8Por último, apareceu também a mim, como a um abortivo. 9Na verdade, eu sou o menor dos apóstolos, nem mereço o nome de apóstolo, porque persegui a Igreja de Deus. 10É pela graça de Deus que eu sou o que sou. Sua graça para comigo não foi estéril: a prova é que tenho trabalhado mais do que os outros apóstolos – não propriamente eu, mas a graça de Deus comigo. 11É isso, em resumo, o que eu e eles temos pregado e é isso o que crestes. – Palavra do Senhor.

1st. Reading
Reading of the first letter of St. Paul to the Corinthians 15: 1-11 - 1 Brothers, I want to remind you of the Gospel that I preached to you and that you received, and in which you stand. 2 By him you are saved, if you are keeping him as he was preached to you by me. Otherwise, you would have embraced faith in vain. 3In fact, I transmitted to you, in the first place, what I had received, namely: that Christ died for our sins, according to the Scriptures; 4 who was buried; who, on the third day, was resurrected, according to the Scriptures; 5e who appeared to Cephas and then to the twelve. 6 Later, he appeared to more than five hundred brothers at once. Of these, most still live and some have already died. 7Then it appeared to James, and then it appeared to the apostles all together. 8 Finally, it also appeared to me, as an abortion. 9 Actually, I am the least of the apostles, nor do I deserve the name of an apostle, because I persecuted the Church of God. 10 It is by the grace of God that I am what I am. His grace towards me was not sterile: the proof is that I have worked harder than the other apostles - not exactly me, but the grace of God with me. 11 This, in short, is what they and I have been preaching and this is what you believed. - Word of the Lord.

Salmo 117/118
Dai graças ao Senhor, porque ele é bom!
1. Dai graças ao Senhor, porque ele é bom! / “Eterna é a sua misericórdia!” / A casa de Israel agora o diga: / “Eterna é a sua misericórdia!”
2. “A mão direita do Senhor fez maravilhas, † a mão direita do Senhor me levantou, / a mão direita do Senhor fez maravilhas!” / Não morrerei, mas, ao contrário, viverei / para cantar as grandes obras do Senhor!
3. Vós sois meu Deus, eu vos bendigo e agradeço! / Vós sois meu Deus, eu vos exalto com louvores!

Psalm 117/118
Give thanks to the Lord, because he is good!
1. Give thanks to the Lord, because he is good! / "Your mercy is eternal!" / The house of Israel now say it: / “Her mercy is eternal!”
2. “The Lord's right hand did wonders, † The Lord's right hand lifted me up, / The Lord's right hand did wonders!” / I will not die, but, on the contrary, I will live / to sing the great works of the Lord!
3. You are my God, I bless you and thank you! / You are my God, I exalt you with praise!

Evangelho
Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo Lucas 7,36-50 – Naquele tempo, 36um fariseu convidou Jesus para uma refeição em sua casa. Jesus entrou na casa do fariseu e pôs-se à mesa. 37Certa mulher, conhecida na cidade como pecadora, soube que Jesus estava à mesa na casa do fariseu. Ela trouxe um frasco de alabastro com perfume 38e, ficando por detrás, chorava aos pés de Jesus; com as lágrimas começou a banhar-lhe os pés, enxugava-os com os cabelos, cobria-os de beijos e os ungia com o perfume. 39Vendo isso, o fariseu que o havia convidado ficou pensando: “Se este homem fosse um profeta, saberia que tipo de mulher está tocando nele, pois é uma pecadora”. 40Jesus disse então ao fariseu: “Simão, tenho uma coisa para te dizer”. Simão respondeu: “Fala, mestre!” 41“Certo credor tinha dois devedores; um lhe devia quinhentas moedas de prata, o outro cinquenta. 42Como não tivessem com que pagar, o homem perdoou os dois. Qual deles o amará mais?” 43Simão respondeu: “Acho que é aquele ao qual perdoou mais”. Jesus lhe disse: “Tu julgaste corretamente”. 44Então, Jesus virou-se para a mulher e disse a Simão: “Estás vendo esta mulher? Quando entrei em tua casa, tu não me ofereceste água para lavar os pés; ela, porém, banhou meus pés com lágrimas e enxugou-os com os cabelos. 45Tu não me deste o beijo de saudação; ela, porém, desde que entrei, não parou de beijar meus pés. 46Tu não derramaste óleo na minha cabeça; ela, porém, ungiu meus pés com perfume. 47Por essa razão, eu te declaro: os muitos pecados que ela cometeu estão perdoados, porque ela mostrou muito amor. Aquele a quem se perdoa pouco mostra pouco amor”. 48E Jesus disse à mulher: “Teus pecados estão perdoados”. 49Então, os convidados começaram a pensar: “Quem é este que até perdoa pecados?” 50Mas Jesus disse à mulher: “Tua fé te salvou. Vai em paz!” – Palavra da salvação.

Gospel 
Proclamation of the Gospel of Jesus Christ according to Luke 7,36-50 - At that time, a Pharisee invited Jesus to a meal at his home. Jesus entered the Pharisee's house and sat at the table. 37Some woman, known in the city as a sinner, learned that Jesus was at the table in the Pharisee's house. She brought a bottle of alabaster with perfume 38e, standing behind it, wept at Jesus' feet; with tears she began to bathe his feet, wipe them with her hair, cover them with kisses and anoint them with perfume. 39 Seeing this, the Pharisee who had invited him was thinking, "If this man were a prophet, he would know what kind of woman is touching him, for he is a sinner." 40Jesus said to the Pharisee, "Simon, I have something to tell you." Simon replied: "Speak, master!" 41 “A certain creditor had two debtors; one owed him five hundred silver coins, the other fifty. 42 As they had nothing to pay, the man forgave them both. Which one will love you the most? ” 43Simão replied: "I think he is the one you forgave the most". Jesus said to him, "You judged correctly." 44Then Jesus turned to the woman and said to Simon, “Do you see this woman? When I entered your house, you did not offer me water to wash my feet; but she bathed my feet with tears and wiped them with her hair. 45You did not give me the kiss of greeting; however, since I entered, she hasn't stopped kissing my feet. 46You have not spilled oil on my head; but she anointed my feet with perfume. For this reason, I declare to you: the many sins she has committed are forgiven, because she has shown so much love. He who is forgiven little shows little love ”. 48And Jesus said to the woman, "Your sins are forgiven." 49Then the guests began to think, "Who is this that even forgives sins?" 50But Jesus said to the woman, “Your faith has saved you. Go in peace!" - Word of salvation.

Para refletir
Exclusiva de Lucas, esta passagem abre leque para várias considerações. Jesus aceita comer em companhia de um fariseu, que nem suspeita que algo revolucionário vai acontecer. Entra em cena uma mulher, “conhecida na cidade como pecadora”. Um golpe violento para o fariseu que, por se considerar justo diante de Deus, não digeria a presença de pecadores. Jesus serenamente acolhe a mulher e se deixa tocar por ela, que não economiza afagos e lágrimas de amor e gratidão. Jesus sabe da sinceridade do gesto da pecadora, como também “faz leitura” da maldade aninhada no coração do fariseu. Então, põe cada coisa em seu devido lugar: realça a atitude amorosa da mulher e corrige o mau juízo ruminado pelo fariseu. Justifica aquela que fora pecadora e chama à conversão quem se achava impecável.

To think about 
Exclusive to Lucas, this passage opens the door to several considerations. Jesus accepts to eat in the company of a Pharisee, who does not even suspect that something revolutionary is going to happen. A woman enters the scene, “known in the city as a sinner”. A violent blow for the Pharisee, who, considering himself just before God, would not digest the presence of sinners. Jesus serenely welcomes the woman and lets himself be touched by her, who spares no caresses and tears of love and gratitude. Jesus knows the sincerity of the sinner's gesture, as well as “reads” the evil that is nestled in the heart of the Pharisee. Then, put everything in its proper place: it enhances the woman's loving attitude and corrects the bad judgment ruminated by the Pharisee. Justify the one who was a sinner and calls to conversion those who thought themselves impeccable.

Para assistir - To watch
Para rezar
Ó Mestre e Senhor, livre de preconceitos, permites que a pecadora toque no teu corpo. Então, gestos de amor, arrependimento e gratidão misturam-se no mesmo ritual. O perdão se dá: “Seus pecados estão perdoados”. E a mulher, totalmente transfigurada, retira-se em paz. Que o mesmo aconteça comigo. Am

To Pray
O Master and Lord, free from prejudice, you allow the sinner to touch your body. Then, gestures of love, regret and gratitude are mixed in the same ritual. Forgiveness occurs: "Your sins are forgiven." And the woman, totally transfigured, leaves in peace. May the same happen to me. Amen.

Para os catequistas - Diretório para a Catequese

244. Existe uma profunda ligação entre a possibilidade de uma renovada proposta de fé aos jovens e a  disponibilidade  da  Igreja  para  rejuvenescer,  ou  seja,  para  se  manter  num  processo  de  conversão  espiritual,  pastoral  e  missionária.  «A  capacidade  [dos  jovens]  de  renovar,  reclamar,  exigir  coerência  e  testemunho,  voltar  a  sonhar  e  reinventar»18 pode  ajudar  a  comunidade  eclesial  a  darase  conta  das  transformações  culturais  do  nosso  tempo  e  a  fazer  crescer  a  confiança  e  a  esperança.  Toda  a  comunidade tem o dever de transmitir a fé e de testemunhar a possibilidade de caminhar na vida com  Cristo. A proximidade do Senhor Jesus com os dois discípulos de Emaús, o facto de caminhar com eles,  dialogando,  acompanhando  e  ajudando  a  abrir  os  olhos  é  fonte  de  inspiração  para  caminhar  com  os  jovens. É dentro destas dinâmicas que se deve anunciar o Evangelho ao mundo juvenil com coragem e  criatividade, propor a vida sacramental e o acompanhamento espiritual. Graças à mediação eclesial, os  jovens  poderão  descobrir  o  amor  pessoal  do  Pai  e  a  companhia  de  Jesus  Cristo  e  viver  esta  etapa  da  vida, particularmente «adequada aos grandes ideais, aos generosos heroísmos, às coerentes exigências  de pensamento e de ação». 


For catechists - Directory for Catechesis
244. There is a profound link between the possibility of a renewed proposal of faith for young people and the availability of the Church to rejuvenate, that is, to remain in a process of spiritual, pastoral and missionary conversion. "The capacity [of young people] to renew, to claim, to demand consistency and testimony, to dream and reinvent again" 18 can help the ecclesial community to realize the cultural transformations of our time and to increase trust and hope. The whole community has a duty to transmit the faith and to witness the possibility of walking in life with Christ. The closeness of the Lord Jesus to the two disciples at Emmaus, the fact of walking with them, dialoguing, accompanying and helping to open their eyes is a source of inspiration for walking with young people. It is within these dynamics that the Gospel must be announced to the youth world with courage and creativity, proposing sacramental life and spiritual accompaniment. Thanks to ecclesial mediation, young people will be able to discover the personal love of the Father and the company of Jesus Christ and to live this stage of life, particularly "suited to great ideals, generous heroics, consistent demands of thought and action".

Abençoando
Traçando o sinal da cruz em você, diga: Abençoai-me Senhor Deus que é † Pai, Filho e Espírito Santo, para que eu viva sempre no Teu amor e fazendo só o bem a todos. Amém!

Traçando o sinal da cruz em seu/ua filho/a diga: Abençoe a você (nome do filho/a), nosso Deus que é † Pai, Filho e Espírito Santo, para que você filho/a viva sempre no amor de Deus e fazendo só o bem a todos. Amém!

Blessing
By tracing the sign of the cross in you, say: Bless me Lord God that is † father, son, and holy spirit, to live always in your love and doing good to all. Amen!


By tracing the sign of the cross on your son/daughter say: Bless you (name of child), our God who is † father, son, and holy spirit, for you child alive always in love of God and doing good to all. Amen!

quarta-feira, 16 de setembro de 2020

BOM DIA 16/09 🇧🇷Liturgia Diária 🇺🇸Daily Liturgy


A sabedoria foi justificada por todos os seus filhos.
The wisdom was justified by all his children.

1a.Leitura
Leitura da primeira carta de São Paulo aos Coríntios 12,31-13,13 – Irmãos, 31aspirai aos dons mais elevados. Eu vou ainda mostrar-vos um caminho incomparavelmente superior. 13,1Se eu falasse todas as línguas, as dos homens e as dos anjos, mas não tivesse caridade, eu seria como um bronze que soa ou um címbalo que retine. 2Se eu tivesse o dom da profecia, se conhecesse todos os mistérios e toda a ciência, se tivesse toda a fé, a ponto de transportar montanhas, mas se não tivesse caridade, eu não seria nada. 3Se eu gastasse todos os meus bens para sustento dos pobres, se entregasse o meu corpo às chamas, mas não tivesse caridade, isso de nada me serviria. 4A caridade é paciente, é benigna; não é invejosa, não é vaidosa, não se ensoberbece; 5não faz nada de inconveniente, não é interesseira, não se encoleriza, não guarda rancor; 6não se alegra com a iniquidade, mas regozija-se com a verdade. 7Suporta tudo, crê tudo, espera tudo, desculpa tudo. 8A caridade não acabará nunca. As profecias desaparecerão, as línguas cessarão, a ciência desaparecerá. 9Com efeito, o nosso conhecimento é limitado e a nossa profecia é imperfeita. 10Mas, quando vier o que é perfeito, desaparecerá o que é imperfeito. 11Quando eu era criança, falava como criança, pensava como criança, raciocinava como criança. Quando me tornei adulto, rejeitei o que era próprio de criança. 12Agora nós vemos num espelho, confusamente, mas, então, veremos face a face. Agora, conheço apenas de modo imperfeito, mas, então, conhecerei como sou conhecido. 13Atualmente permanecem estas três coisas: fé, esperança, caridade. Mas a maior delas é a caridade. – Palavra do Senhor.

1st. Reading
Lectura de la primera carta de San Pablo a los Corintios 12,31-13,13 - Hermanos, 31 aspiran a los mayores dones. También te mostraré un camino incomparablemente superior. 13,1Si hablara todos los idiomas, los de los hombres y los de los ángeles, pero no tuviera caridad, sería como un metal que suena o un platillo que suena. 2Si tuviera el don de profecía, si supiera todos los misterios y toda la ciencia, si tuviera toda la fe, hasta el punto de transportar montañas, pero si no tuviera caridad, no sería nada. 3Si gastara todos mis bienes para mantener a los pobres, si entregara mi cuerpo a las llamas, pero no tuviera caridad, eso no me serviría de nada. 4La caridad es paciente, es benigna; no es envidioso, no es vanidoso, no se envanece; 5 no hace nada inconveniente, no es egoísta, no está enojado, no guarda rencor; 6 no se regocija en la iniquidad, sino en la verdad. 7Apoya todo, cree todo, espera todo, disculpa todo. 8 La caridad nunca terminará. Las profecías desaparecerán, las lenguas cesarán, la ciencia desaparecerá. 9 De hecho, nuestro conocimiento es limitado y nuestra profecía es imperfecta. 10Pero cuando llegue lo perfecto, lo imperfecto desaparecerá. 11Cuando era niño, hablaba como niño, pensaba como niño, razonaba como niño. Cuando me convertí en adulto, rechacé lo que era un niño. 12Ahora vemos en un espejo, confundidos, pero luego veremos cara a cara. Ahora conozco sólo de manera imperfecta, pero entonces conoceré como soy conocido. Hoy quedan estas tres cosas: fe, esperanza, caridad. Pero la más importante es la caridad. - Palabra del Señor.

Salmo 32/33
Feliz o povo que o Senhor escolheu por sua herança!
1. Dai graças ao Senhor ao som da harpa, / na lira de dez cordas celebrai-o! / Cantai para o Senhor um canto novo, / com arte sustentai a louvação!
2. Pois reta é a Palavra do Senhor, / e tudo o que ele faz merece fé. / Deus ama o direito e a justiça, / transborda em toda a terra a sua graça.
3. Feliz o povo cujo Deus é o Senhor, / e a nação que escolheu por sua herança! / Sobre nós venha, Senhor, a vossa graça, / da mesma forma que em vós nós esperamos!

Psalm 32/33
Happy are the people the Lord has chosen for their inheritance!
1. Give thanks to the Lord to the sound of the harp, / celebrate the ten-string lyre! / Sing for the Lord a new song, / with art sustain the praise!
2. For the Word of the Lord is upright, / and everything he does deserves faith. / God loves law and justice, / His grace overflows all over the earth.
3. Happy are the people whose God is the Lord, / and the nation they chose for their inheritance! / Your grace, Lord, come upon us, / just as we hope in you!

Evangelho
Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo Lucas 7,31-35 – Naquele tempo, disse Jesus: 31“Com quem hei de comparar os homens desta geração? Com quem eles se parecem? 32São como crianças que se sentam nas praças, se dirigem aos colegas, dizendo: ‘Tocamos flauta para vós e não dançastes; fizemos lamentações e não chorastes!’ 33Pois veio João Batista, que não comia pão nem bebia vinho, e vós dissestes: ‘Ele está com um demônio!’ 34Veio o Filho do Homem, que come e bebe, e vós dizeis: ‘Ele é um comilão e beberrão, amigo dos publicanos e dos pecadores!’ 35Mas a sabedoria foi justificada por todos os seus filhos”. – Palavra da salvação.

Gospel 
Proclamation of the Gospel of Jesus Christ according to Luke 7,31-35 - At that time Jesus said: 31 “With whom shall I compare the men of this generation? Who do they look like? 32They are like children who sit in the squares, address their colleagues, saying: 'We played the flute for you and you did not dance; we mourned and did not weep! '33For John the Baptist came, who did not eat bread or drink wine, and you said,' He is with a demon! '34The Son of Man comes, who eats and drinks, and you say,' He is a glutton and a drinker, a friend of tax collectors and sinners! '35But wisdom was justified by all his children ”. - Word of salvation.

Para refletir
Crianças birrentas ficam emburradas e ninguém consegue fazê-las entrar na brincadeira. Imagem escolhida por Jesus para classificar seus conterrâneos. Permaneceram indiferentes e inertes, seja diante da pregação de João Batista, seja com relação à obra libertadora de Jesus. Chamaram João Batista de louco, e apelidaram Jesus de “amigo de cobradores de impostos e pecadores”. Nada os fez sair de seu comodismo. O recado de Jesus atingia sobretudo os líderes religiosos, que não acolheram Jesus e seu Reino de justiça; pior: impediam o povo de seguir os passos do Mestre. As pessoas simples, porém, os cobradores de impostos e os pecadores aceitaram Jesus, o Enviado de Deus. Somente os “filhos” da Sabedoria reconhecem e acolhem o Messias em sua maneira simples de agir.

To think about 
Sulky children are sulking and no one can get them to play. Image chosen by Jesus to classify his countrymen. They remained indifferent and inert, either in the face of the preaching of John the Baptist or in relation to Jesus' liberating work. They called John the Baptist crazy, and called Jesus “a friend of tax collectors and sinners”. Nothing got them out of their comfort. Jesus' message reached mainly the religious leaders, who did not accept Jesus and his Kingdom of justice; worse: they prevented the people from following in the Master's footsteps. Simple people, however, tax collectors and sinners accepted Jesus, the Envoy of God. Only the "children" of Wisdom recognize and welcome the Messiah in his simple way of acting.

Para assistir - To watch
Para rezar
Jesus, Tu comparas “as pessoas desta geração”, principalmente os dirigentes do povo, a crianças manhosas: nada as satisfaz. Põem defeito no Batista e no Messias. Típica atitude de quem não quer assumir nenhum compromisso. Ajuda-nos a agir como os pequeninos que estão abertos aos planos de Deus. Amém.

To Pray
Jesus, You compare “the people of this generation”, especially the leaders of the people, to sly children: nothing satisfies them. They defect the Baptist and the Messiah. Typical attitude of those who do not want to make any commitment. Help us to act like the little ones who are open to God's plans. Amen.

Para os catequistas - Diretório para a Catequese

243. Cada Igreja local, mediante os secretariados e organismos preestabelecidos, é solicitada a avaliar  a situação em que vivem as crianças da segunda infância e a estudar as modalidades e os itinerários de  iniciação e de catequese que sejam mais adequados para os tornar conscientes de serem filhos de Deus  e membros da Igreja, família de Deus, que se reúne para celebrar a Páscoa no dia dedicado ao Senhor.  


For catechists - Directory for Catechesis
243. Each local Church, through the secretariats and pre-established bodies, is asked to assess the situation in which children of second childhood live and to study the modalities and itineraries of initiation and catechesis that are best suited to make them aware of being children of God and members of the Church, family of God, that gathers to celebrate Easter on the day dedicated to the Lord.

Abençoando
Traçando o sinal da cruz em você, diga: Abençoai-me Senhor Deus que é † Pai, Filho e Espírito Santo, para que eu viva sempre no Teu amor e fazendo só o bem a todos. Amém!

Traçando o sinal da cruz em seu/ua filho/a diga: Abençoe a você (nome do filho/a), nosso Deus que é † Pai, Filho e Espírito Santo, para que você filho/a viva sempre no amor de Deus e fazendo só o bem a todos. Amém!

Blessing
By tracing the sign of the cross in you, say: Bless me Lord God that is † father, son, and holy spirit, to live always in your love and doing good to all. Amen!


By tracing the sign of the cross on your son/daughter say: Bless you (name of child), our God who is † father, son, and holy spirit, for you child alive always in love of God and doing good to all. Amen!

terça-feira, 15 de setembro de 2020

BOM DIA 15/09 🇧🇷Evangelho diário 🇺🇸Daily Gospel

Nossa Senhora das Dores.
Our Lady of Sorrows.

1a. Leitura
Leitura da carta aos Hebreus 5,7-9 – 7Cristo, nos dias de sua vida terrestre, dirigiu preces e súplicas, com forte clamor e lágrimas, àquele que era capaz de salvá-lo da morte. E foi atendido, por causa de sua entrega a Deus. 8Mesmo sendo Filho, aprendeu o que significa a obediência a Deus por aquilo que ele sofreu. 9Mas, na consumação de sua vida, tornou-se causa de salvação eterna para todos os que lhe obedecem. – Palavra do Senhor.

1st. Reading
Reading the letter to the Hebrews 5,7-9 - 7Christ, in the days of his earthly life, addressed prayers and supplications, with strong cry and tears, to those who were able to save him from death. And he was attended to, because of his surrender to God. 8 Even though he was a son, he learned what obedience to God means for what he suffered. 9But in the consummation of his life, he became a cause of eternal salvation for all who obey him. - Word of the Lord.

Salmo 30/31
Salvai-me pela vossa compaixão, ó Senhor Deus!
1. Senhor, eu ponho em vós minha esperança; / que eu não fique envergonhado eternamente! / Porque sois justo, defendei-me e libertai-me, / apressai-vos, ó Senhor, em socorrer-me!
2. Sede uma rocha protetora para mim, / um abrigo bem seguro que me salve! / Sim, sois vós a minha rocha e fortaleza; / por vossa honra, orientai-me e conduzi-me!
3. Retirai-me desta rede traiçoeira, / porque sois o meu refúgio protetor! / Em vossas mãos, Senhor, entrego o meu espírito, / porque vós me salvareis, ó Deus fiel!
4. A vós, porém, ó meu Senhor, eu me confio / e afirmo que só vós sois o meu Deus! / Eu entrego em vossas mãos o meu destino; / libertai-me do inimigo e do opressor!
5. Como é grande, ó Senhor, vossa bondade, / que reservastes para aqueles que vos temem! / Para aqueles que em vós se refugiam, / mostrando, assim, o vosso amor perante os homens.

Psalm 30/31
Save me by your compassion, O Lord God!
1. Lord, I place my hope in you; / may I not be ashamed forever! / Because you are just, defend me and deliver me, / hurry, O Lord, to help me!
2. Be a protective rock for me, / a very safe shelter that will save me! / Yes, you are my rock and fortress; / for your honor, guide me and guide me!
3. Remove me from this treacherous hammock, / because you are my protective refuge! / Into your hands, Lord, I commit my spirit, / because you will save me, O faithful God!
4. But to you, O my Lord, I entrust myself / and affirm that you alone are my God! / I hand over my destiny; / deliver me from the enemy and the oppressor!
5. How great, O Lord, is your goodness, / that you have reserved for those who fear you! / For those who take refuge in you, / thus showing your love before men.

Evangelho
Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo João 19,25-27 – Naquele tempo, 25perto da cruz de Jesus, estavam de pé a sua mãe, a irmã da sua mãe, Maria de Cléofas, e Maria Madalena. 26Jesus, ao ver sua mãe e, ao lado dela, o discípulo que ele amava, disse à mãe: “Mulher, este é o teu filho”. 27Depois disse ao discípulo: “Esta é a tua mãe”. Daquela hora em diante, o discípulo a acolheu consigo. – Palavra da salvação.

Gospel 
Proclamation of the Gospel of Jesus Christ according to John 19,25-27 - At that time, close to the cross of Jesus, stood his mother, his mother's sister, Mary of Cleophas, and Mary Magdalene. 26Jesus, when he saw his mother and, beside her, the disciple he loved, said to his mother: "Woman, this is your son". 27Then he said to the disciple, "This is your mother." From that hour on, the disciple welcomed her with him. - Word of salvation.

Para refletir
A celebração litúrgica das Sete Dores da Virgem foi acolhida no Calendário romano pelo Papa Pio VII (século XVII). Pio X fixou a data definitiva para 15 de setembro, conservada no atual calendário litúrgico que mudou o título da festa: de Sete Dores de Maria, para Nossa Senhora das Dores. A “paixão” de Maria se concentra na cena em que ela está de pé junto à cruz de seu Filho. Sabemos, porém, que Maria, durante toda a sua vida, com seu coração de mãe, conheceu e experimentou o sofrimento ao ver seu Filho rejeitado pelos adversários. Por isso a devoção popular enumerou os principais momentos dolorosos de Maria, suas Sete Dores: a profecia de Simeão, a fuga para o Egito, a perda de Jesus, o caminho para o Calvário, a crucificação, a deposição da cruz, o sepultamento de Jesus.

To think about 
The liturgical celebration of the Seven Sorrows of the Virgin was welcomed in the Roman Calendar by Pope Pius VII (17th century). Pius X set the definitive date for September 15, preserved in the current liturgical calendar that changed the title of the feast: from Sete Dores de Maria, to Nossa Senhora das Dores. Maria's “passion” is concentrated in the scene where she is standing next to her Son's cross. We know, however, that Mary, throughout her life, with her mother's heart, knew and experienced suffering when she saw her Son rejected by opponents. That is why popular devotion listed Mary's main painful moments, her Seven Sorrows: the prophecy of Simeon, the flight to Egypt, the loss of Jesus, the way to Calvary, the crucifixion, the deposition of the cross, the burial of Jesus.

Para assistir - To watch
Para rezar
Ó Jesus crucificado, na tua hora derradeira, sob o fogo de indizíveis dores, tiveste a solidária presença de tua santa mãe. Queremos também nós, Senhor, no sofrimento e na hora de nossa morte, contar com a força de Maria Santíssima, que a Igreja achou por bem invocar como Nossa Senhora das Dores. Amém.

To Pray
O Jesus crucified, in your last hour, under the fire of unspeakable pains, you had the sympathetic presence of your holy mother. We also want, Lord, in suffering and at the time of our death, to count on the strength of Mary Most Holy, which the Church has chosen to invoke as Our Lady of Sorrows. Amen.

Para os catequistas - Diretório para a Catequese

242.  A  necessidade  de  fazer  do  processo  de  iniciação  cristã  uma  autêntica  introdução  experiencial  à  globalidade  da  vida  de  fé  leva  a  olhar  para  o  catecumenato  como  uma  imprescindível  fonte  de  inspiração.  Torna-se  muito  oportuna  uma  iniciação cristã configurada segundo o modelo formativo do catecumenato,  mas  com  critérios,  conteúdos  e  metodologias  adequados  às  crianças  desta  fase.  A  articulação  do  desenvolvimento  do  processo  de  iniciação  cristã  para  crianças  em  idade  escolar,  inspirado  no  catecumenato,  prevê  tempos,  ritos  de  passagem  e  a  participação  ativa  na  mesa  eucarística  que  constitui  o  cume  do  processo  de  iniciação.  Na  sua  realização,  os  catequistas  estão  comprometidos  em  inverter  a  visão  tradicional,  que  vê  a  criança  em  idade  escolar  principalmente  como objeto de cuidados e atenções pastorais da comunidade, e em assumir a perspectiva que o educa  progressivamente,  de  acordo  com  as  suas  capacidades,  para  ser  sujeito  ativo  dentro  e  fora  da  comunidade.  A  inspiração  catecumenal  permite,  além  disso,  que  se  reconsidere  o  papel  primordial  da  família  e  de  toda  a  comunidade  em  relação  aos  mais  pequenos,  dando  lugar  a  processos  de  evangelização recíproca entre os diversos sujeitos eclesiais envolvidos.  


For catechists - Directory for Catechesis
242. The need to make the process of Christian initiation an authentic experiential introduction to the whole of the life of faith leads us to look to the catechumenate as an indispensable source of inspiration. A Christian initiation configured according to the formative model of the catechumenate, but with criteria, content and methodologies appropriate to the children of this phase, becomes very opportune. The articulation of the development of the Christian initiation process for school-age children, inspired by the catechumenate, provides for times, rites of passage and active participation in the Eucharistic table that constitutes the summit of the initiation process. In carrying it out, catechists are committed to reversing the traditional view, which sees children of school age mainly as the object of pastoral care and attention in the community, and to assume the perspective that progressively educates them, according to their abilities, to be an active subject inside and outside the community. Catechumenal inspiration also allows us to reconsider the primary role of the family and the whole community in relation to the little ones, giving rise to processes of reciprocal evangelization among the various ecclesial subjects involved. 

Abençoando
Traçando o sinal da cruz em você, diga: Abençoai-me Senhor Deus que é † Pai, Filho e Espírito Santo, para que eu viva sempre no Teu amor e fazendo só o bem a todos. Amém!

Traçando o sinal da cruz em seu/ua filho/a diga: Abençoe a você (nome do filho/a), nosso Deus que é † Pai, Filho e Espírito Santo, para que você filho/a viva sempre no amor de Deus e fazendo só o bem a todos. Amém!

Blessing
By tracing the sign of the cross in you, say: Bless me Lord God that is † father, son, and holy spirit, to live always in your love and doing good to all. Amen!


By tracing the sign of the cross on your son/daughter say: Bless you (name of child), our God who is † father, son, and holy spirit, for you child alive always in love of God and doing good to all. Amen!